Home / Esoterismo / Chrakras: Definições

Chrakras: Definições

Muito se fala sobre chrakras, mas percebo que as pessoas não tem uma definição muito clara do que são, onde estão alocados, como funcional e interagem com nossos corpos espirituais.

Chakras são centros, alocados no Duplo-Etérico (Corpo Etérico) que realizam os processos da nossa coordenação energética : absorvem ou exteriorizam energia. O termo é originário do Sânscrito (língua atualmente morta, mas que se mantém presente nas culturas místicas do Nepal e Índia) que significa “roda”ou cíclico. Ententende-se que é uma roda (circulo) em constante movimento, processando, absorvendo ou exteriorizando nossas energias e equilibrando nossos processos vitais e etéricos e astrais.

Acho que esse ponto ficou esclarecido, certo? Chakras são vórtices (círculos ou redemoinhos) que giram constantemente realizando nossa manutenção energética.

Possuimos dezenas de chrakras espalhados pelo corpo, entretanto, é meio que consensual nos meios holísticos e espiritualistas, nos aprofundarmos e trabalharmos com os 7 principais chakras.

Em uma outra postagem, irei me aprofundar em problemas que os chakas desalinhados ou com mal funcionamento podem gerar e me aprofundarei bem. Nessa postagem vou fazer uma abordagem mais “geral”, ok?

Vamos lá!

Chakra Básico

Nome em sânscrito: Muladhara (“Raiz de Suporte “).

Mantra: Lam

Setores circulares (raios ou pétalas): 4

Localização: Região do períneo

Cor simbólica: Vermelho

Cristais Correspondentes: Rubi, Quartzo vermelho, Hematita, Jaspe vermelho e Granada.

O Chakra Básico é o único que está voltado para baixo. Está ligado aos nossos instintos básicos, aspectos primitivos e instinto de sobrevicência. É nele também que nasce a nossa ,  energia telúrica, que costumamos chamar de Kundalini (“enrolada como uma cobra”). Quando corretamente ativada, a energia Kunalini “sobe”, fluindo pelos sete chakras, trazendo a consciência intensa, onisciência e força espiritual.

Quando enfraquecido ou desalinhado, esse chakra pode indicar a presença de dependência química a drogas ou outras substâncias.Também desejos sexuais exacerbados e agressividade excessiva (inclusive contra si mesmo).

Características do Chakra Esplênico Positivado:

    * Motivação para realizar tarefas;

    * Sexualidade saudável;

    * Boa conexão com o mundo material;

    * Aceitação da realidade e espírito empreendedor;

    * Poder de concretizar planos;

    * Facilidade em ativar a Kundalini.

Efeitos negativos quando não alinhado:

    * Falta de vontade para realizar tarefas;

    * Excesso de sono;

    * Desequilíbrio sexual;

    * Hiperatividade e insônia;

    * Desmotivação;

    * Sensibilidade na coluna e na lombar;

    * Problemas no útero ou intestino.

Chakra Esplênico (Sacral)

Nome em sânscrito: Swadhistana (“Fundamento de si próprio”)

Mantra: Vam

Setores circulares (raios ou pétalas): 6

Localização: Região do baço (baixo ventre)

Cor simbólica: Laranja

Cristais Correspondentes: Cornalina, Coral, Ágata Coralina, Calcita laranja, Crocoíta ou Opala de fogo.

Administra a vitalidade gerada por nossas bioenergias. Desalinhado pode apresentar problemas psicológicos (psicopatologias) e problemas do sistema imunológico. Pode também ser associado ao medo, ansiedade e reações à situações estressante.

Características do Chakra Esplênico Positivado:

    * Disposição;

    * Boa irrigação sanguínea;

    * Aumento de energias curativas;

Características do Chakra Esplênico Negativado:

    * Dificuldade de expressão;

    * Excesso de Sono;

    * Preguiça;

    * Indisposição social;

    * Doenças sanguíneas ou de pressão.

Chakra Umbilical (também chamado de “Plexo Solar”)

Nome em sânscrito: Manipura (“Cidade das Jóias”)

Mantra: Ram

Setores circulares (raios ou pétalas): 10

Localização: Aproximadamente dois dedos acima do umbigo

Cor simbólica: Amarelo

Cristais Relacionados: Citrino, Âmbar, Enxofre, Topázio, Imperial e Calcita amarela

É o chakra mais reativo, sofrendo frequentes estímulos externos (tanto positivos, quanto negativos). Em desequilíbrio pode gerar problemas de autoestima e gástricos.

Características do Chakra Positivado:

    * Boa digestão de alimentos e captação de vitaminas;

    * Equilíbrio emocional;

    * Disposição para encarar as situações;

    * Inteligência emocional;

    * Autoestima equilibrada.

Características do Chakra Umbilical Negativado:

    * Captação de energias negativas do ambiente e pessoas;

    * Baixo estima;

    * Indisposição para realizar tarefas e completar metas traçadas;

    * Problemas digestivos (incluindo úlceras e gastrite);

    * Depressão;

    * Estresse;

    * Problemas no fígado;

    * Tendência a arrogância;

    * Desenvolver diabetes ou hipoglicemia. (desequilíbrio de glicose no organismo).

Chakra Cardíaco

Nome em sânscrito: Anahata (“Invicto”; “Inviolado”)

Mantra: Yam

Setores circulares (raios ou pétalas): 12

Localização: Região do coração

Cor simbólica: Verde

Cristais Relacionados: Quartzo verde, Calcita verde, Turmalina verde, Malaquita, Quartzo rosa, Calcita rosa, Turmalina rosa ou Rodocrosita.

É o chakra relacionado ao equilíbrio emocional, e consequentemente, ao coração,ao amor altruísta, a benevolência e ao espírito comunitário. É muito associado ao sistema imunológico.

É o nosso chakra central. Abaixo deles temos os chakras inferiores e acima dele os chakras superiores, portanto, costumamos dizer que ele faz a ligação entre “o céu e a terra”. Nesse chakra equilibramos o divino com o terreno, através da compaixão.

Características do Chakra Cardíaco Positivado:

    * Vigor físico; 

    * Prazer em realizar as atividades diárias (trabalho, casa etc)

    * Prazer em auxiliar as pessoas;

    * Espiritualidade aflorada;

    * Equilíbrio emocional;

    * Compaixão;

    * Capacidade de perdoar;

    * Empatia.

Características do Chakra Cardíaco Negativado:

    * Depressão;

    * Irritabilidade;

    * Crises de ansiedade (pânico);

    * Taquicardia;

    * Dificuldade em interagir com as pessoas (laços);

    * Problemas cardíacos;

    * Câncer de mama;

    * Dependência afetiva e carência (sufoca as pessoas que convive);

    * Constante frustração.

Chakra Laríngio

Nome em sânscrito: Visuddha (“O purificador”)

Mantra: Ham

Setores circulares (raios ou pétalas): 16

Localização: Região da laringe

Cor simbólica: Azul claro

Cristais Relacionados: Turquesa, Topázio azul, Calcita azul, Quartzo azul, Sodalita e Angelita.

É o Chakra associado a nossa capacidade de comunicação e expressão. Também influencia na nossa capacidade artística.

Características do Chakra Laríngio Positivado:

    * Facilidade em se comunicar;

    * Auto-conhecimento;

    * Facilidade em se comunicar com o astral;

    * Tireóide equilibrada;

    * Aparelho fonador e respiratório saudável;

    * Processos de transmutação energético funcionais.

Características do Chakra Laríngio Negativado:

    * Dificuldade de comunicação e de se expressar;

    * Tristeza e angústia;

    * Não tem objetivos e vive por “osmose”;

    * Crise de ansiedade (pânico);

    * Problemas respiratórios;

    * Problemas na tireoide ou aparelho fonador;

    * Doenças de pele;

    * Dificuldade em ter autocontrole.

Chakra Frontal (Terceiro Olho)

Nome em sânscrito: Ajña (“O Centro de comando”)

Mantra: AUM.

Setores circulares (raios ou pétalas): 96 (2 grupos de 48). Geralmente é representado por apenas 2 pétalas.

Localização: Região inferior da testa, um pouco acima do espaço entre as sobrancelhas.

Cor simbólica: Azul Índigo

Cristais Relacionados: Safira, Lápis-lazuli, Turmalina azul, Azurita ou Ametista.

Está associado aos dons mediúnicos (especificamente clarevidência e percepção extra-sensorial). É o chakra da sensibilidade, espiritualidade e da intuição.

Características do Chakra Frontal Positivado:

    * Forte intuição;

    * Auto-conhecimento;

    * Grande capacidade de liderança;

    * Criatividade;

    * Fácil aprendizagem;

    * Clarividência ou Percepção Extra-Sensorial aflorada.

Características do Chakra Frontal Negativado:

    * Tendências a vícios;

    * Indecisão;

    * Insegurança;

    * Sinusite;

    * Fanatismo (religioso, esportivo, político etc);

    * Instabilidades financeiras e afetivas;

    * Antipatia.

Chakra Coronário

Nome em sânscrito: Sahasrara (“O Lótus das mil pétalas”)

Mantra: Ogum Satyam Om.

Setores circulares (raios ou pétalas): 972 (um grupo de 960 e outro central de 12).

Localização: Região central do topo da cabeça.

Cor simbólica: Violeta e Branco

Cristais Relacionados: Cristal de quartzo, Diamante, Topázio, Charoíta, Fluorita, Pirita, Calcita dourada ou Ametrino.

É a porta de entrada da energia divina e nossa conexão com as forças superiores. Fala de uma conexão com forças elevadas, estabilidade emocional e espiritual completa, habilidade para psicofonia, psicografia, comunicações anímicas e projeção astral.

Está também relacionado a compreenção do universo e evolução espiritual. Quando estamos com esse chakra funcionando bem, temos uma compreenção maior de Deus e do cosmo, obtendo serenidade plena. Está associado diretamente a glândula pineal.

Características do Chakra Frontal Positivado:

    * Aumento da sensibilidade e clarividência;

    * Altruísmo;

    * Boa memória;

    * Boas noites de sono;

    * Bem-estar;

    * Apetite e humor equilibrados;

    * Equilíbrio e bom astral;

    * Serenidade.

Características do Chakra Frontal Negativado:

    * Neuroses e sindromes de perseguição;

    * Desenvolvimento de transtornos e fobias psíquicas;

    * Falta de fé em forças superiores (ateísmo);

    * Tendências depressivas ou suicidas;

    * Egocentrismo e falta de empatia;

    * Indiferença com as questões alheias.

Comentários

comentários

About Carlos Machado Jr (Caju)

Leonino com ascendente em Sagitário. Estudo e me interesso por mediunidade, espiritualidade, astrologia, esoterismo, Umbanda, psicologia, parapsicologia, comportamento, religiões, orixás, ocultismo, oráculos, filosofia e mais uma dezenas de temas. :-)